Quando o aluno erra o resultado, mas acerta o raciocínio, devo dar certo, errado ou meio certo?

Avaliação

POR:
NOVA ESCOLA
Heloisa Ramos. Foto: Marina Piedade Neury responde

Neurilene Martins é doutora em Educação e professora do curso de Pedagogia do Centro Universitário Jorge Amado (Unijorge) e responde a dúvidas sobre sala de aula

Clique aqui para mandar a sua dúvida

Pergunta enviada por Elma Fonseca, Ipatinga, MG

Para tomar essa decisão, é preciso levar em consideração a etapa da sequência didática em que os estudantes estão e os combinados realizados com eles sobre os critérios de correção. Como os alunos aprendem por aproximações sucessivas, é esperado que determinados erros cometidos durante as primeiras aulas sejam superados ao longo do trabalho. Desse modo, é importante que o docente vá atualizando a maneira como avalia e corrige as atividades, ajudando a classe a se autorregular sobre quais equívocos não podem mais ser cometidos. Lembre-se também de que os critérios para corrigir as tarefas têm de resultar de decisões coletivas dos docentes e da coordenação, acordadas na proposta pedagógica da escola.

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias