Prêmio Victor Civita 2013: prepare o seu trabalho

Saiba o que não pode faltar no relato que você vai inscrever na maior premiação de Educação do país

POR:
Ana Ligia Scachetti
Prêmio Victor Civita: Prepare o seu trabalho. Ilustração Mãos de Ariadne

É hora de fazer um balanço da sua atuação no último ano e avaliar qual o seu melhor projeto ou sequência didática para concorrer ao Prêmio Victor Civita Educador Nota 10 (confira as características de um bom trabalho no quadro abaixo). Uma das principais alterações da 16ª edição é que há mais tempo para registrar sua participação. As inscrições começam no dia 6 de maio e vão até dia 7 de julho, mas você deve organizar as informações desde já.

Todos os detalhes sobre como professores e gestores podem concorrer estão no site premiovc.org.br. Para quem passar pelo crivo dos selecionadores, a premiação é acumulativa. Os 50 finalistas recebem uma assinatura de NOVA ESCOLA ou GESTÃO ESCOLAR. Os 20 selecionados nesse grupo levam um tablet, os dez vencedores ganham 15 mil reais em dinheiro cada um e quem, entre eles, for o Educador do Ano ganhará mais 5 mil reais em dinheiro e 5 mil reais para a escola em que as atividades do projeto foram desenvolvidas.

No site, também é possível conhecer os vencedores anteriores e assistir a depoimentos com dicas deles e de selecionadores de cada disciplina. "Não adianta ter realizado um trabalho com a pretensão de ensinar algo se você não demonstra que aquilo foi aprendido pelos alunos", avisa Felipe Bandoni de Oliveira, Educador do Ano de 2012. Oziêlton de Brito Sousa, finalista do ano passado, lembra que é importante o professor ser também um pesquisador e buscar as teorias da sua área para embasar suas ações.

Regina Scarpa, coordenadora pedagógica da Fundação Victor Civita (FVC), reforça que, ao olhar para suas realizações e selecionar qual delas irá enviar ao Prêmio, o docente ou o gestor devem se basear na existência de registros consistentes para escolher qual será selecionado. "É fundamental preparar esse material e deixá-lo guardado, pois os autores dos projetos bem avaliados e pré-selecionados serão contatados pelos selecionadores e terão de enviar o histórico completo."

O trabalho deve ter sido realizado entre fevereiro de 2012 e maio de 2013 em turmas regulares na rede pública ou privada, em instituições de áreas urbanas e rurais. É possível fazer apenas uma inscrição por pessoa. Podem participar docentes de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA), atuantes nas áreas de alfabetização, Língua Portuguesa, Educação Física, História, Arte, Língua Estrangeira, Ciências, Matemática e Geografia. Diretores, coordenadores e orientadores educacionais também podem inscrever atividades desenvolvidas no Ensino Médio, além das fases já citadas. Sendo assim, o Educador do Ano poderá ser um professor ou um gestor.

O que fazer para ser um vencedor

Planejamento Estabeleça objetivos claros e pertinentes à fase em que os alunos estão, bem embasados em estudos ou referenciais curriculares e direcionados às reais necessidades deles.

Desenvolvimento Realize etapas consistentes e bem encadeadas. Descreva as suas principais intervenções no sentido de colaborar com o aprendizado da turma.

Avaliação Meça os resultados dos estudantes de uma maneira que mostre o progresso deles com base na comparação do que sabiam sobre o assunto antes do projeto e o que sabem no fim.

Registros Documente as suas produções e as da classe ao longo do percurso, com fotos, textos, vídeos e outros suportes. Esses materiais só são solicitados na segunda fase da seleção.

Apresentação Estruture o texto com justificativa, objetivos, conteúdos, metodologia, adequação a alunos com necessidades educacionais especiais (NEE), avaliação da classe e autoavaliação.

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias