Paula Peres Jornalista pela Universidade de São Paulo (USP), trabalhou com Educação antes mesmo de entrar na faculdade e foi educadora voluntária do Projeto Redigir por quatro anos. Nasceu no Capão Redondo, periferia de São Paulo, é feminista, pagodeira e tem sempre uma piada na ponta da língua. Gosta do cheiro de escola, café e pipoca.

Para uma pessoa de Humanas, eu adoro Matemática

Na newsletter de hoje, um jeito diferente de olhar para as habilidades matemáticas

POR:
Paula Peres
Crédito: Duda Oliva

Olá!

Acho uma bobagem esse discurso que a gente repete sem pensar “Não sou bom em Matemática porque sou de Humanas”, ou “Não gosto de ler: sou de Exatas”.

Se você concorda com esses argumentos ou os reproduz por aí, peço perdão. Mas acho que as áreas de conhecimento são tão fascinantes que é quase um desperdício fecharmos os olhos para tudo o que podemos aprender com o que nos tira da zona de conforto.

Não se engane: eu também tenho meu calcanhar de aquiles. Tenho (MUITA) dificuldade de compreender conteúdos de Física e Biologia. Posso ler, reler, fazer experimentos, sempre vou precisar de novas explicações para lembrar do material que nossas células são constituídas e como funciona o sistema excretor.

Aonde eu quero chegar com essa conversa?

Neste conteúdo, a professora de Educação Matemática da Universidade de Stanford Jo Boaler acaba com as desculpas de quem acha que não consegue aprender Matemática: “Todos nós temos cérebros que estão mudando o tempo todo. Mesmo que você odeie Matemática e não compreenda muito bem, você pode aprender a qualquer momento de sua vida”, ela diz.

Para isso, ela acredita que é possível melhorar o aprendizado de Matemática aplicando uma estrutura com base em seis “chaves”: crescimento do cérebro, mentalidade, esforço, multiplicidade, flexibilidade e profundidade e colaboração. Para entender como isso deve ser aplicado na prática, leia aqui.

Cursos

Hoje, 25 de setembro, é o Dia Nacional do Trânsito, e para trabalhar essa temática em sala, preparamos três cursos sobre mobilidade urbana, trânsito sustentável e cidadania, que vão ajudar você a planejar projetos interdisciplinares, identificando quais competências e habilidades de cada área de conhecimento podem ser relacionadas. 

Para garantir sua vaga, é só clicar aqui e receber em primeira mão todas as informações. E fique de olho porque os três cursos serão lançados durante o mês de outubro!

Um abraço,

Paula Peres
Repórter de NOVA ESCOLA

Tags

Guias