Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Rodadas Pedagógicas: palavras que fazem a diferença

Confira os termos mais importantes do livro Rodadas Pedagógicas – Como o Trabalho em Redes Pode Melhorar o Ensino e a Aprendizagem

POR:
Silvana Tamassia e Claudia Zuppini (Elos Educacional)

APRENDIZAGEM DO ALUNO
Aprendizagem como um processo de crescimento e desenvolvimento de uma pessoa em sua totalidade, abarcando minimamente quatro grandes áreas: conhecimento, afetivo-emocional, habilidades humanas e profissionais e atitudes e valores, sendo que:
– Conhecimento é o desenvolvimento intelectual e suas operações mentais (pensar, refletir, justificar, analisar, comparar e mais).
– Afetivo-emocional tem a ver com metacognição, autoestima e relacionamento interpessoal.
– Habilidades humanas e profissionais têm relações com aprender o que podemos fazer com os conhecimentos adquiridos.
– Atitudes e valores têm a ver com a responsabilidade social.

DECISÃO BASEADAS EM DADOS
Aquela tomada por meio da análise de evidências obtidas da circunstância estudada, por exemplo, o resultado das avaliações de aprendizagem dos alunos.

GRUPO COLABORATIVO
Aquele em que todos os componentes compartilham as decisões tomadas e são responsáveis pela qualidade do que é produzido em conjunto, conforme suas possibilidades e interesses, segundo Harry Daniels e Angeles Parrilla, no livro Criação e Desenvolvimento de Grupos de Apoio para Professores.

MODELAGEM DA APRENDIZAGEM
Essencialmente, uma atividade de processamento de informação, permitindo que condutas e eventos ambientais sejam transformados em representações simbólicas que servem como guias de ação, de acordo com Albert Bandura em Social Foundations of Thought & Action: A Social Cognitive Theory.

NÚCLEO PEDAGÓGICO
Constitui a relação entre o aluno e o professor na presença do conteúdo, não sendo as qualidades de qualquer um deles que determinam a natureza da prática pedagógica. Cada um apresenta seu próprio papel e recursos particulares no processo pedagógico. No livro, veja a pág. 41.

RODADAS PEDAGÓGICAS
Processo organizacional em que educadores trabalham sistematicamente juntos, como colegas, para construir conhecimento e habilidades para a melhoria do ensino.

TEORIA DE AÇÃO
Pode ser concebida como a sinopse que torna uma visão e uma estratégia concretas. Ela dá ao líder uma linha narrativa que orienta as pessoas em relação a complexidade e distrações diárias que competem com o trabalho principal do núcleo pedagógico. Fornece também o mapa que conduz a visão da organização, bem como uma forma de testar as premissas e as suposições da visão contra as realidades do trabalho que se desenrolam em uma organização real com pessoas reais. Por exemplo: teoria de ação baseada na escola. Se acompanharmos os resultados das avaliações de aprendizagem dos alunos ao longo do tempo, então seremos capazes de avaliar a efetividade pedagógica e de desenvolvimento de estratégias de intervenções focada. Neste exemplo, a narrativa diz que, ao avaliar os alunos ao longo de um tempo, é possível ter certeza se o trabalho pedagógico está caminhando na direção adequada. Isso indica que, ao escrever essa teoria de ação, a escola acredita que a avaliação da aprendizagem serve para corrigir o percurso pedagógico do professor, portanto descreve isso como uma premissa e algo a se alcançar. No mesmo exemplo, é possível perceber a possibilidade de testar a premissa “avaliação mede o fazer pedagógico”.

Tags

Guias

Tags

Guias