Um álbum para suas memórias

Ingressos de museu, fotos, folhetos. As recordações das férias podem ser úteis em suas aulas. Veja aqui um modo criativo de organizá-las

POR:
Cristiane Marangon

Museus de arte, cidades imperiais, parques... Não importa se o seu roteiro de viagem nessas férias foi cultural, histórico ou biológico. Fotografias, mapas, catálogos, roteiros, ingressos e outros objetos trazidos na bagagem vão ser mais do que lembranças para você. Todo esse material terá grande valia em suas próximas aulas. Para ter tudo organizado na hora de compartilhar com a turma tantas informações e impressões colhidas, que tal criar um álbum? Como um diário, ele será um meio de preservar as suas memórias. Se você quiser um álbum que tenha realmente "a sua cara", confeccione um. Para Marli Marcondes, do Centro de Memória da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), um álbum desse tipo, além de contar a história da sua viagem, revela muito de seus gostos pessoais. "As preferências estéticas podem ser observadas na capa, na cor e no tipo de papel das folhas e na seqüência e na diagramação das fotos."

Não deixe de identificar cada foto e de escrever embaixo ou ao lado delas suas impressões sobre os pontos visitados. Distribua pelas páginas também outras lembranças, como o folheto de uma exposição, que estiverem relacionadas às imagens mostradas. "As legendas assumem uma função narrativa e são um ótimo recurso para outros leitores que folheiam o álbum", explica Fernanda Tuenze, professora do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) de São Paulo.

Para conservar seu álbum, alguns cuidados são necessários. Coloque-o em lugar seco e bem ventilado, longe da luz e de temperaturas elevadas. Evite mantê-lo em caixa de papelão, que absorve muita umidade. Uma caixa ou pasta de polionda funciona melhor. Não deixe as outras recordações em contato direto com as fotos para que elas não sejam danificadas com o tempo.

Como fazer

Material necessário

? Folhas de papel de 180 ou 240 gramas no tamanho A4

? 2 folhas de papelão paraná no tamanho A4

? Triângulos com 3 cm de lado de papel de 85 gramas

? Fita dupla face transparente

? Espiral com 22,5 cm

? Papel decorativo

? 1 folha de transparência

? Fotografias e outras lembranças

? Tesoura

? Cola branca

? Lápis

1. Decore as capas
Com o papel decorativo de sua preferência (fotos de revista, por exemplo) ou plástico adesivo, encape as duas folhas de papelão paraná. Elas servirão de capa para seu álbum.

2. Faça a encadernação 
O número de papéis A4, também na cor de que você mais gosta, varia de acordo com a quantidade de material que o álbum vai conter. Junte todas as folhas e coloque-as entre as capas já produzidas. Numa loja especializada, peça para furar o conjunto na horizontal e colocar a espiral. Para que ela não se desenrole, vire as pontas.

Caso você não tenha acesso a esse recurso, monte uma brochura. Marque 2 centímetros na lateral esquerda de cada folha e das capas e faça uma dobra. Isso vai facilitar na hora de folhear o álbum. Passe cola branca na área que vai da lateral até a marcação da dobra e vá colando uma folha sobre a outra. Por fim, una as capas ao miolo. Espere secar para continuar.

3. Cole as cantoneiras
Determine a localização das fotografias em cada uma das páginas. Com um lápis, marque os quatro cantos da foto. Nesses pontos vão ser coladas as cantoneiras. Para isso use fita dupla face. Depois encaixe as fotos ali.

 



4. Monte um envelope
Corte um retângulo medindo 20 por 13 centímetros da folha de transparência. Dobre 1 centímetro nas laterais e na parte de baixo. Coloque a fita dupla face nessas três bordas e cole numa folha do álbum. Nesse envelope você poderá guardar outras lembranças, como ingressos de museus visitados ou mesmo os negativos das fotos.

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias

Tags

Guias