Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias
Notícias

Encarando bullying, brigas e ansiedade nas escolas: um livro em PDF sobre as socioemocionais

NOVA ESCOLA lança livro digital, com apoio do Facebook, para ajudar professores e alunos a debater essas questões na escola. Competências socioemocionais são novidade na Base Nacional Comum Curricular

POR:
Paula Minozzo
Ilustração: Bruno Nunes

A rotina da escola traz uma série de responsabilidades para o professor. Em meio ao planejamento das aulas, reuniões e provas, surgem ainda conflitos e situações que precisam de atenção: bullying, brigas, ansiedade e falta de motivação são algumas delas. Como lidar com esses problemas que envolvem alunos e professores para tornar o ambiente da escola saudável? Com as informações de especialistas e com exemplos de escolas que já desenvolvem um trabalho com as competências socioemocionais, pequenas atitudes e ideias podem transformar o ambiente e o clima escolar.

Leia mais:
O que são as competências gerais da BNCC?

Pensando nisso, NOVA ESCOLA, com apoio do Facebook, lança um livro digital que pode ajudar na solução e na prevenção de problemas nos âmbitos social e emocional na comunidade escolar. Longe de só “cuidar dos problemas” dos alunos, a incorporação das competências socioemocionais (CSEs) nas práticas pedagógicas tem impacto direto na melhora da saúde mental de crianças, adolescentes famílias, professores, gestores e funcionários. A intenção é também ajudar o professor sinta-se melhor no seu ambiente de trabalho. Em pesquisa de NOVA ESCOLA, com a Fundação Lemann, feita com mais de 5 mil educadores, 54% afirmaram ter enfrentado problemas de saúde mental.

“Se o aluno tem um aprendizado em habilidades socioemocionais na escola, ele é capaz de compreender melhor algumas questões que podem surgir em sua casa. Ele aprende a ter boas relações com os colegas, professores e mentores”, disse a NOVA ESCOLA a especialista norte- americana Pamela Bruening, diretora de aprendizado profissional no programa Cloud9World.

O lançamento do livro faz parte da iniciativa com o Facebook de falar sobre saúde mental na escola. No último sábado (15), especialistas em saúde mental e educadores se reuniram com professores, em São Paulo, para tratar desses temas.


Clique aqui e baixe o e-book

Ilustração: Bruno Nunes

O que você vai ler nesse livro

  • Afinal, o que são as competências socioemocionais e por que elas começaram a ser trabalhadas nas escolas?
  • Como trabalhar as competências socioemocionais e quais ações dão certo?
  • Entendendo a segurança digital e como identificar e prevenir situações como o bullying nas redes sociais e na internet.
  • Na prática: como as competências socioemocionais já são trabalhadas nas escolas?

E a BNCC?

Referência para a construção dos currículos de todas as escolas do país, a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) foi elaborada estabelecendo como pilares 10 competências gerais que irão nortear o trabalho das escolas e dos professores em todos os anos e componentes curriculares – as antigas disciplinas – da Educação Básica. A Base avança no sentido de trazer, dentro desses conceitos, o campo das socioemocionais.

As competências socioemocionais (CSE) e as competências gerais da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) estão relacionadas, mas não são a mesma coisa. As CSE compõem um modelo teórico vindo do campo da psicologia, e são utilizadas por entidades brasileiras e estrangeiras para estudar como aspectos da personalidade podem influenciar no processo de ensino e aprendizagem. Já as competências da BNCC determinam o norte para todo o processo de   aprendizagem: envolvem tanto aspectos atitudinais quanto procedimentais e de conteúdos que os estudantes brasileiros precisam desenvolver.

Tags

Guias

Tags

Guias

Assuntos Relacionados