Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Blog de Alfabetização

Troque experiências e boas práticas sobre o processo de aquisição da língua escrita.

Como pesquisar bons materiais de alfabetização na internet

A rede mundial de computadores é ótima para compartilhar conhecimentos, mas nem tudo o que encontramos é bom para a sala de aula

POR:
Mara Mansani
mesa de trabalho vista de cima com notebook aberto e caderno aberto com post-its colados em uma folha em branco. É possível ver os braços de uma mulher usando camisa xadrez que parece estar mexendo no computador.
Crédito: Getty Images

Buscar atividades e outros materiais na internet para usar nas aulas é uma tarefa quase que cotidiana para nós, professores. E com os alfabetizadores não seria diferente. Mas nem sempre encontramos materiais com conteúdos de qualidade, e muitas vezes a pesquisa resulta em atividades prontas para imprimir, que são encaixadas em nossos planos de aula e não pensadas para eles.

Não é que não se possa utilizar essas atividades, com as devidas adequações e adaptações, mas elas não podem ser o eixo condutor da aula de alfabetização. Sem contar que, muitas vezes, elas ficam soltas, desconexas do plano de aula, justamente porque não fizeram parte do planejamento inicial do professor.

Eu também uso algumas dessas atividades, mas com bastante critério. A maioria dos materiais que utilizo na alfabetização são autorais, fruto de minha experiência de 32 anos em sala de aula. Isso não significa que eu deixo de pesquisar constantemente, principalmente na internet. Muitos alfabetizadores me inspiram a criar e planejar minhas aulas.

Mas como encontrar bons materiais para alfabetização na internet?

Tenho alguns cuidados que tomo ao fazer pesquisas, para não cair na armadilha dos conteúdos de má qualidade que só querem os meus cliques: 

  • Geralmente não faço buscas apenas por práticas de alfabetização, mas também por sua base teórica. Dessa forma, compreendo a melhor maneira de utilizar as atividades e suas funções no processo de alfabetização. Por exemplo: atividades de leitura de listas. Base teórica: listas são modelos de referência na escrita, promovem a reflexão entre o falado e o escrito, possibilitando a compreensão da base alfabética;
  • Sempre salvo os links das páginas que visitei, e com eles vou montando um banco de referências para consultar em pesquisas futuras e aprofundar a leitura em meus estudos. Isso também me ajuda a organizar o tempo no planejamento. Pesquisar também é uma maneira de estudar e aprimorar nossa prática em sala de aula;
  • Utilizo sites de universidades, ONGs e institutos de Educação. Precisamos conhecer, aproveitar e nos apropriar de saberes já construídos por quem estuda e pesquisa a Educação. Geralmente, essas instituições produzem materiais e pesquisas de alta qualidade, e que podem contribuir muito não só na base teórica mas também na prática de sala de aula;
  • Ao pesquisar um conteúdo, analise com atenção se o material oferecido não propaga ou reforça preconceitos, racismo, diferenciação de gênero, etc. Esse é um sinal importante, que pode indicar a má qualidade do material.

Meu banco de materiais e referências, que eu citei lá em cima, está cada dia maior. Por isso, também decidi compartilhar três links que fazem parte desse banco aos quais costumo recorrer e sempre encontro bons conteúdos que apoiam meu trabalho na alfabetização:

  1. Planos de aula NOVA ESCOLA
    Nele, encontro planos de aula para alfabetização e demais etapas de ensino. Tudo bem explicado e com materiais em anexo. Os planos de Matemática e Ciências foram elaborados por professores de todo o Brasil, do Time de Autores Nova Escola, do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental, e já estão alinhados à BNCC. A proposta é que o projeto vá se ampliando para contemplar todas as disciplinas.
  2. Escola Digital
    Uma plataforma de Educação que reúne tecnologias digitais e conteúdos de todas as disciplinas. São objetos digitais de aprendizagem (ODA) organizados e classificados por critérios como disciplina e ano escolar que podem apoiar e potencializar as nossas aulas. Tem muito conteúdo interessante e de qualidade.
  3. Portal Trilhas
    Neste portal, encontramos textos, vídeos e outros materiais de boa qualidade voltados par a Alfabetização, como o Projeto Trilhas, que está disponível para download. A biblioteca do Trilhas é maravilhosa, com muito material tanto de estudo para o professor alfabetizador quanto para ser usado em sala de aula.

E vocês, queridos professores, como fazem suas pesquisas na internet? Compartilhem suas dicas e sites de referência nos comentários!

Um grande abraço e até a próxima semana,

Mara Mansani

Tags

Guias